[RESENHA]: UMA VIDA PARA SEMPRE

  Ressaca literária após o término desse livro? SIM, CLARO, COM CERTEZA!
  Poxa Simone, que facada no meu coração!!!!!!!


Olá pessoal, meus amores e minhas amoras!
      Hoje vou falar do livro super maravilhoso da parceira aqui do blog, a querida Simone Taietti.


 ♥                                                      
SINOPSE: Uma vida para sempre - Ethel diz estar morrendo. Contudo, não afirma isso apenas em razão de sua doença. Talvez a única certeza de nossa existência seja a morte, o fato de que ela
chega para todos. Mas nem por isso deixa de ser a maior incógnita da vida.
Em um hospital, em meio à dor das histórias dos pacientes, Ethel encontrou amigos. Entre passeios em cemitérios, frequentando velórios e enterros de estranhos, ela tenta preparar a si e aqueles que ama, para o que parece estar ali tão próximo, o fim. Entretanto, não esperava enfrentar algumas surpresas que a fizessem duvidar de tal preparação.
As estatísticas ruins, a inexorável passagem do tempo. Onde reside a lógica disso que nos arranca pedaços, da súbita inexistência do que outrora era vívido e pulsante? Um corpo que jaz. Palavras que se perdem. A finitude de tudo o que é tão belo talvez seja a maior dor do mundo.
Uma vida para sempre é um compilado de desejos, pensamentos e dias.
Quanto dura o para sempre?
Ethel descobriu.

                                                     

 AVISO: PODE CONTER SPOILER!

   Simone Taietti narra de forma fácil e corrida, por meio de um diário cheio de frases a cada dia, a vida de Ethel, uma menina adotada de 17 anos com CIPA (sigla em inglês para Insensibilidade Congênita à Dor com Anidrose), que não pode sentir qualquer tipo de dor e transpirar, não sentindo frio nem calor. Devido à essa condição, sua mãe Edite, cria Ethel sozinha após a morte de seu marido, com cuidados excessivos, causando desgosto a menina, que adora sair, não como os adolescentes normais, mas gosta de passar seu tempo no hospital, em cemitérios e enterros de pessoas desconhecidas. Após muitas mentiras para poder sair de casa, Edite descobre tudo, elas brigam, mas Ethel enfim consegue sua liberdade, e as duas criam uma relação linda entre mãe e filha. E nesse meio tempo entre visitas ao hospital, Ethel cruza com Vitor, o amor de sua vida... Mas Vitor também possui uma condição perigosa, e os dois, lado a lado, lutam para sobreviver, vivendo um dia após o outro, uma linda história de amor... Com um final DEVASTADOR!
Na minha visão, o livro nacional pode ser comparado com algumas histórias internacionais, bastante consagradas que viraram e virarão filmes, ''A Culpa é das Estrelas'', ''Um amor para recordar'' e ''Como eu era antes de você''. Como eu amei esses três livros, não foi difícil amar esse também. Além de ter sofrido e chorado pra caramba! Como já mencionei, o final foi uma facada no meu coração, estou sofrendo de uma ressaca literária, tudo me lembra Ethel e Vitor, e dá um aperto no peito.
O livro aborda um romance adolescente, mas recomendo para todas as idades, principalmente para as Gertrud's da vida real (senhoras com espírito de jovens), por abordar assuntos como a amizade, o amor, a morte e acima de tudo, a vontade de viver, trazendo muitos ensinamentos!
Parabéns pelo livro Simone, você conseguiu tocar meu coração, e com certeza, de mais muitas pessoas, e continua conseguindo.
Eu AMEI, AMEI e AMEI, está com toda a certeza, na lista dos meus favoritos 
''Não quero pensar na possibilidade de viver em um mundo sem você''
É isso pessoal, um beijo e até a próxima
♥♥♥

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo