[Resenha]: Saga de Valentes ♥

Olá Florzinhas!!!
Hoje venho apresentar os Valetes para vocês, com o livro em parceria com a Editora 4 Letras. Confira:

 




Uma obra de ficção que tem como pano de fundo a História do Brasil, notadamente a contribuição dos tropeiros e dos imigrantes para o desenvolvimento do sul do país. Ela serve, então, como uma moldura onde se desenrolam as vidas de seus personagens.
Como se trata de um recorte histórico romanceado, de pouco mais de um século e meio, ao lado dos personagens que vão surgindo, emergem fatos, antecedentes e consequentes de nossa História, constituindo-se, por essa razão, em uma maneira de se desvelar o importante papel desempenhado pelos tropeiros e pelos imigrantes de várias nacionalidades, com suas tradições, usos e costumes, suas religiões, sua gastronomia e sua arte, para a construção da cultura do Brasil e do Povo Brasileiro, tal como os conhecemos.
Os amantes de História e Historiografia encontrarão neste romance um interessante entretenimento, além de pontos de reflexão sobre a condição da vida humana.
A personagem Martha, neta e filha de tropeiros e de imigrantes italianos, é o fio condutor do romance. Através de sua narrativa inicial e final, vão se desenrolando, concomitantemente, a sua história, a de sua família e a do Brasil.
Saga de Valentes, além de entretenimento, presta-se também como leitura complementar para os estudantes do Ensino Básico e Superior, que desejarem se envolver, de maneira prazerosa e interessante, nos meandros de nossa História.
O livro "Saga de Valetes" não é apenas um romance de época, ele apresenta uma série de gerações de tropeiros e seus muares que vieram para o Brasil em busca de condições melhores de vida, especialmente no sul do país.

"...tantas teias misteriosas tecidas pelo destino e desvenvadas quase que por acaso."



Logo de cara, conhecemos a personagem Martha, que comemorando seus 90 anos de idade, compartilha com seu irmão Lorenzo a história de sua família e as lembraças que carrega no coração.
Começando no final do século XVII, o livro vai se desenrolando a cada geração de Martha, especialmente Vicente (seu avô) e Topias (seu pai), tropeiros que saiam de Sorocaba (SP) e iam até Viamão (RS) para buscar mercadorias que seriam levadas para a venda em São Paulo. Estes, como viviam viajando, paravam em fazendas onde acampavam ou se ospedavam para passar a noite. E foi neste cenário que o amor surgiu em cada história. Mas na época, as moças casavam muito novas, com noivos arranjados (e ricos) os tropeiros não eram homens para casar. Assim, as paixões narradas neste enredo eram proibidas e a fuga por amor, inevitável.

"Cada qual ao seu modo, fez história, conduziu sua família com amor e rigor, com carinho e justiça, deixando-lhes como herança, algo muito maior do que bens terrenos, a dignidade e o caráter, próprios de uma saga de valentes."

Detalhando muito bem a vida destes valentes, a autora nos apresenta, além do ambiente histórico e dos costumes de cada povo, cidade, estado e país, ela também traz fotos reais daquela época, que nos fazem viajar no tempo.
Me interessei muito pela obra, visto que sou gaúcha e de descendência alemã (uma das etnias trabalhadas no livro) e também como uma amente de romances, não consegui soltar o livro até acabá-lo.
Enfim, um livro cheio de conhecimento e ao mesmo tempo, entreterimento. 
Super recomendo sem dúvidas!

 ONDE COMPRAR:
 Editora 4 Letras: aqui
 É isso pessoal, um beijo e até a próxima ♥♥♥

Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. OLá,
    que máximo! Adorei a proposta desse livro. Fiquei curiosa e animada para iniciar a leitura.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Priscila, qua bom que despertei sua curiosidade, o livro vale muito a pena! Obrigada pela visita, volte sempre ♥

      Excluir

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo