[Resenha]: Quando o azul não desbotava ♥

Olá Florzinhas!!!


A resenha deste domingo é a do livro "Quando o azul não desbotava" do autor Franck Santos, recebido da Editora Penalux. Confira:





Ficamos ali, naquela praça, no centro da cidade, na quase noite acontecendo. Me convidaste para irmos a Paris em junho, disseste que Paris é uma festa, lembrei de um conto de Caio, de Lyon, vinho, inverno europeu. O convidei para irmos a Buenos Aires em junho, comemorar aniversário de um amigo, talvez esquiar na Bariloche, dançar um tango. Você me disse que preferia Piaf, Ponte Neuf, brioche, Juliette Binoche. Divagamos. Rimos. Rimos. Rimos. - Trecho do texto Uma balada ao cair de tarde.


Quando o azul não desbotava apresenta prosas de um alguém saudoso e apaixonado, esperando a volta de um amor que foi embora, que talvez volte na quarta-feira, no sábado, ou quem sabe, nem volte.

"Você disse que viria num sábado. Mas não quero ser feliz apenas aos sábados, com você quero dias úteis, feriados e fins de semana."


Esses textos transbordam inspiração, melancolia e amor, perfeitos para aqueles leitores apaixonados.
A edição do livro é impecável e juntamente com o conteúdo da obra, faz, literalmente, com que os leitores se sintam nas nuvens, contemplando o azul do céu, do mar... do amor. 💙💙💙💙

ONDE COMPRAR:
Editora Penalux: aqui

É isso pessoal, um beijo e até a próxima 😘💙💋

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo